No dia 13 de maio, às 20h, o professor Gilberto Alexandre Sobrinho, do Instituto de Artes (IA), vai conversar sobre o processo de criação dos documentários “Diário de Exus”, “A Dança da Amizade, Histórias de Urucungus, Puítas e Quijengues” e “A Mulher da Casa do Arco-íris”. Os filmes, cuja direção é do próprio Sobrinho, tratam da cultura afro-brasileira na Região Metropolitana de Campinas (RMC). O bate-papo virtual é aberto ao público e ocorre endereço eletrônico.
(Hélio Costa Júnior)

 

Imagem de capa: PxHere

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui