Capoeira, valores, motivação e conscientização

165

Atualmente, a capoeira é um importante instrumento de inclusão de jovens na sociedade que, por meio de sua vivência, são capazes de descobrir valores e participar da comunidade, aprendendo a ter conhecimento crítico.

Aqueles que a praticam reconhecem a situação em que ela se encontra e como conquistou o seu espaço para hoje estar presente, participando na construção da história e assegurando a cultura popular. Essa arte possui diversas programações de vivências práticas, fazendo com que os seus adeptos se envolvam, adquirindo consciência e responsabilidade.

São os treinos, cursos, batizados, convenções, festas, passeios, viagens, leituras de livros e revistas, além do convívio social com outros capoeiristas, que auxiliam na formação.
Quando o capoeirista se envolve com a modalidade, ele começa a cuidar de si mesmo e de sua saúde.

Aprende que é importante ouvir o mestre e seus conselhos, além de colaborar com outros capoeiristas, porque a capoeira é composta de vários tipos de pessoas, em diferentes níveis de relacionamento e maturidade.

O capoeirista, quando participa de eventos, aprende a interagir em grupo, a valorizar outras pessoas e a acreditar em si mesmo, através de diversos estímulos.
A capoeira é um esporte de motivação e conscientização e fornece valores culturais, educativos e de interação social aos praticantes. Ela dá segurança na luta, traz força e flexibilidade, resgata a autoestima, ensina a respeitar o próximo e a aprimorar os dons artísticos, além de assegurar a cultura afro-brasileira.


Mestre Biro – Capoeira e Escritor

Autor dos livros, Capoeira, cultura que educa, o Carroceiro e a Irmandade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui