O vídeo desta semana produzido pela Alma Preta Jornalismo nos leva a uma reflexão a respeito do descarte de materiais e a relação com o racismo. A mãe e filha Edna Dantas e Maria Gabrielly Dantas são duas mulheres que utilizaram 4.298 garrafas de vidro descartadas no meio ambiente para construir uma casa. Todo o material foi recolhido na própria Ilha de Itamaracá, em Pernambuco, onde moram.

Fazer jornalismo preto, livre e de qualidade custa caro. Nossa equipe e os custos de produção desse vídeo são pagos com as contribuições mensais de nossos assinantes na campanha do Catarse. Contribua com qualquer valor e fortaleça o registro de iniciativas como a Casa de Vidro.

Fonte: Alma Preta

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui